Páginas

Segredos em 6 palavras

São Luís, 13 de outubro de 2009.

Querida Denise,
Nesse fim de semana tive a infelicidade de encontrar três palavras: medo, raiva e egoísmo. São palavras que, quando juntas, e até mesmo separadas, podem destruir a felicidade de qualquer um. Peço que se sentir de algum modo que essas palavras irão cruzar o seu caminho, mude imediatamente sua rota.
Existem palavras mais bonitas a serem conhecidas e exploradas. Como dica, busque essas três palavras: amor, paciência e solidariedade. Conheço pessoas que nunca se arrependeram do seu uso. Tenho certeza de que com você não será diferente.
Que Deus continue te abençoando.
Um grande beijo,
Soraya Carvalho

Louca...

Vendo coisa que não existe...
Olhando pro nada e descobrindo coisas que só existem em minha imaginação... Talvez!
Talvez apenas lá elas estejam, mas é certo que estão vindo para minha realidade de forma cada vez mais violenta.
Agora sei que meus sonhos disso não passa...
Agora sei que minhas asas foram quebradas...
Agora sei que confundo dor com felicidade, por passar tanto tempo sentindo...
Agora sei que sou pequena demais... E que carrego comigo mais do que meu frágil corpo permite...
Agora luto, por ainda querer sonhar...
Agora vivo para tornar meus sonhos reais...
Agora corro... pra não ser pega de novo pelo medo... Engolida pelo orgulho...
Agora sou... simplesmente eu... Pequena como uma formiga...

Meio infantil...

E ela sorria... Não um sorriso de alegria e felicidade que até pouco tempo estampava o seu rosto... Desta vez, era um sorriso de menina, envergonhada por ter feito besteira de novo... De criança que não sabe como confessar seus pecados... De vergonha pela certeza de que as palavras que ouvia eram reais...
Sei que as ondas correm repetidas e que aqui não podia ser dessa forma...
O tempo não foi capaz de tapar meus ouvidos imaginários (aquele que só ouve minha perturbada e insana consciência). O tempo não foi capaz de revelar aos meus olhos, ainda cegos pelas críticas que foram-me impostas ao longo da vida, que existe uma pessoa que acredita em mim, que gosta de mim apesar das constantes mudanças de humor, do corpo deformado, da voz chorosa, do silêncio que culpa, da mania de falar palavrão...
Não nego que sou eu feliz, até o momento... Mesmo enquanto escrevo essa mensagem, que está pública, mas é para você... Mesmo depois de ter deixado aquele pedido como meu último recado...
Eu te amo... Eu tenho certeza de que é contigo que quero ficar... E eu estou tentando...
Cambaleando como uma criança que aprende andar, estou tentando ser diferente, estou tentando respeitar mais teus silêncios... Estou tentando não ver além do que me é mostrado... Estou tentando me acostumar com a idéia de que alguém gosta desta idiota que tá escrevendo esta mensagem...
Enfim...
Te amo!
Mesmo que saiba que depois falará de mim em um tom meio debochado como fez ontem... Mesmo sabendo que nunca entenderá a forma como me comporto, nem o monstro que sou...
Desculpa....

E tudo mudou...

Hoje respeito as coisas que antes criticava, e até as entendo melhor...
Vou a igreja e até reclamo quando não querem me levar...
Uso o telefone mais para ouvir o ruído de um sorriso que amo do que para falar alguma coisa...
Saio todo fim de semana ou pelo menos algum dia dele...
Fui à praia...
Fui à procissão...
Tenho planos de ir ao cinema...
Enfim, saio de casa!!!!!!!!!
O Nando operou um milagre em um ser quase sem vida!
rsrssr
Num tinha muito pra falar não...
Apenas isso mesmo...

Mais uma (10 de outubro de 2008)

Não que a vida tenha algum sentido agora...
Algumas palavras me acordaram sem me machucar.
Tenho que agradecer companhias, tenho que agradecer vidas que lutam para não serem apagadas...
Tenho que dizer tchau!
rsrsrs

Fonte: Espaço de Soraya

Estou só! (Em: 09 de maio de 2008)

Mais uma vez a vida dá a volta que eu não quis.
Volto para o mesmo buraco de anos atrás. Volto para a mesma ilusão de que algo pode dar certo e quebro a cara!
Como sempre, faltam pessoas que posso chamar de amigas, falta carinho nas despedidas, falta alguém que não fale de amor da boca para fora... Continua faltando respeito!
Ninguém me entende com deveria...

Fonte: Espaço de Soraya

Em Busca de mim... (em 17 de novembro de 2007)

Já fui de acreditar em promessas e príncipes encantados. Meu mundo já perdeu suas cores e "recoloriu" muitas vezes. Fui ao fim do poço e lá encontrei uma mola. Já sorri muito em meio ao desespero. Procurei compreensão onde não existia. Pedi abraço a alguém disposto apenas a dar a mão.
Declarei amores eternos...
Tentei me encontrar nos olhos de outros. Tentei disfarçar o brilho dos meus. Escondi muitas lágrimas. Senti muita dor...
Brinquei de boneca, pegador, esconde-esconde, tive clubinho no quintal... Sim, eu tive infância!
Tive meus sonhos despedaçados por pessoas sem valor. Já ouvi todo tipo de mentira e acreditei.
Busquei a luz no meio da escuridão e não vi nada...
Descobri que pequenos gestos não dizem nada. Tentei entender que os grandes não possuem efeito diferente.
Ouvi conselhos idiotas, do tipo “te afasta de quem você ama, ignora o que te faz feliz”, e não ignorei...
Entendi que o medo do medo do medo não me leva pra frente. Aprendi que é possível continuar caminhando, mesmo de costas.
Não suportei ma mentira de amigos. Engoli em seco minha covardia. Percebi que o defeito que aponto em outros são meus... Reinventei meu mundo pra viver em paz.
Hoje me descubro uma nova pessoa.
No fundo não sei quem sou...

Fonte: Espaço de Soraya

Piada: Dicionário Poliglota

Alemão
* abrir a porta = destranken
* bombardeio = bombascaem
* chuva = gotascaem
* vaso = frasko

Arabe:
* metralhadora = allavai abalabalabalabala
* elevador = alicimavai
* beijo = salivavai salivavem
* necessito um banho = molhamed

Chinês:
* cabelo sujo = chin champú
* descalço = chin chinela
* escandalo sexual = clin ton
* excitado = yaminabo taduro
* cornudo = chin frudo
* naufrago = chin chen lancha
* nudista = chin calção
* pobre= chen luz chen agua chen gas
* veneno = bai gon

Francês:
* naum tenho fogo = se acabó le bic
* cão atropelado por um trem = le shu shu lé mató lé guaguau

Guarani :
* caminhar = andaré porai
* dever dinheiro = yatepagaré
* detetive = averiguaré
* enlouquecido = sepiró

Inglês:
* banheira giratória = Tina turner
* individuo de bom autocontrole = auto stop
* copie bem = copyright
* talco para caminhar = walkie talkie
* toreada homoseexual = gaytorade

Italiano:
* coraçao = mio cardio
* mosquito = il avione de'l habitazione

Japonês:
* adivinhador = komosabe
* bicicleta = kasimoto
* bebado = yochi tomo whiski
* cafe amargo = takaro azukar
* fim = saka-bo
* fraco = yono komo
* me roubaram a moto = yonovejo m'yamaha
* meia volta = ksigiro
* bar = boti kin
* piloto = popoko memato
* precavido = nokomo sinkondon
* se foi = non-ta
* acabou a gasolina = yaminhamoto nonanda
* vice campeao = kuasi-ganho
* ainda tenho sede = kiro maisagua
* W.C = akikisicaga

Português:
* árvore = eu calipitu
* calvicie = Aeroporto dos mosquitos
* diarréia = cataratas do traseiro

Russo:
* conjunto de árvores = boshke
* inseto = moshka
* cão comendo Donuts = Troski maska roska
* piloto = simecaio patatof
* prostituta = lewinsky
* sogra = estorvo

Induuuuuuuuuuuuuuuuuuuu

Fim de semana tá aí e eu estou sem muita idéia do que fazer quando estiver com o tempo livre.
Estranho?
Estranho é eu ter nascido em um mundo tão louco...
rsrsrs
Estou morrendo de fome e, como todos já devem ter reparado não tenho muito a dizer...
Estou pensando muito na monografia que irei defender daqui a 1 ano... Quero falar sobre Literatura Erótica... Uma viagem pelo choque da sociedade. Ainda hoje as pessoas se assustam com isso... Há poucos minutos, falava com uma pessoa sobre o tema da minha monografia. Ela se comportou de forma estranha quanto a isso. Foi como se eu dissesse que sou uma grande tarada. Não é isso.
Vou fazer um estudo científico como qualquer outro...
Fim de papo...
Fim do dia!

Luz Dos Olhos

Ponho os meus olhos em você
Se você está
Dona dos meus olhos é você
Avião no ar
Um dia pra esses olhos sem te ver
É como chão no mar
Liga o rádio à pilha, a TV
Só pra você escutar
A nova música que eu fiz agora
Lá fora a rua vazia chora...
Pois meus olhos vidram ao te ver
São dois fãs, um par
Pus nos olhos vidros prá poder
Melhor te enxergar
Luz dos olhos para anoitecer
É só você se afastar
Pinta os lábios para escrever
A sua boca em minha...
Que a nossa música eu fiz agora
Lá fora a lua irradia a glória
E eu te chamo, eu te peço: Vem!
Diga que você me quer
Porque eu te quero também!
Faço as pazes lembrando
Passo as tardes tentando
Lhe telefonar
Cartazes te procurando
Aeronaves seguem pousando
Sem você desembarcar
Pra eu te dar a mão nessa hora
Levar as malas pro fusca lá fora...
E eu vou guiando
Eu te espero, vem...
Siga onde vão meus pés
Que eu te sigo também.
Porque eu te amo!
E eu berro: Vem!
Grita que você me quer
Porque eu te quero também!
Hei! Hei!...

(Nando Reis)

Falando de quem não ficou esquecido... Só não foi citado!

Continuando...
☼ Denise???????? Queria muito poder mostrar as fotos da mudança de Denise, mas ela me mataria... Fora a mudança de cabelo, Denise tem um comportamento estranho... Ela tá se isolando muito... Quem já não a encontrou de cabeça baixa, em uma sala isolada? Quem já não ficou horas pensando no que pode ter acontecido a essa criatura, que de uma hora pra outra não quer te ouvir, nem falar contigo??????
Quem é capaz de entender a Denise????


Gosto dessa foto por uma razão básica... Todo mundo tava bem... Cada um pensando no seu orkut...


☼ Cleudiane??????? Ela simples é estranha. A Cleu não mudou, é estranha. Tendeu?
Não?????????
Como posso explicar?
Um dia você se pega super amiga de Cleu (converte isso pra horas, às vezes funciona melhor), alguns dias depois (ou horas) ela passa a te dar cortes, e corte e cortes... Uma Coisa meio... Jack estripador mesmo!


Outro almoço que perdi... Não lembro a desculpa que eu dei... Acho que foi algo sobre ir ao médico, precisar dormir, tive piriri... Nem procura, eu não tô aí!

☼ Thayland? Thayland não era dançarina de boi, era? Bem, isso eu fiquei sabendo só em 2008... rsrsrsr
☼ Dayse? Dayse andava com saias enormes, era gordinha, mais tímida e concentrada... Não que ela não seja concentrada hoje, mas quando se chega perto dela e ela está com um livro ela já larga mais pra olhar pra tua cara enquanto você fala. Cê não entendeu?? Bom, eu sinto que ela não me ouvia quando tava estudando... Me sentia meio estranha ao falar com Dayse... Era como se eu não estivesse ali!!!!!!!!!!!!!!!!
☼ Manu? Ah, o que falar de Manu!?
Eu quase não vejo Manu... Eu quase não falo com Manu! Eu te amo, Manu!
☼ Suzana? Cara, eu sentia que a Suzana se auto-excluías-se a si mesma! Ninguém queria falar com ela por que havia aquela sensação de "não me toque" (sim, era isso mesmo... Sem ofensas!).
Hoje ela senta e fala com todo mundo. É engraçado... É estranho... A Suzana é chata (sim, você é muito chata!), mas foi legal ter mudado...
☼ Flávia... Flávia não tem mais cara de menina-do-interior-que-veio-pra-cidade-estudar! Flávia sempre falou com todo mundo, todo mundo sempre falou com a Flávia.... Flávia tá menos chata... Flávia me deixa ver as coisas do celular dela (ela não me deixava ver!)... Enfim! Nada a declarar sobre Flávia, desculpa!
☼ Jacyane! rrsrsr... rsrsrs... (eu sei que se ela ler vai fazer cara de "essa menina é louca"...). Acho que Jacy se tornou paty... Ela não era assim! Ela só vinha de saião também... Ela e Dayse se tornaram patys... Mudança radical...


Almoço no RU... No tempo em que eu achva que o RU inteiro ia levantar, apontar pra minha cara e rir por eu não saber comer elegantemente...

☼ Vanessa. Todas as fotos que procurar da turma, encontram Vanessa... É uma espécie de "onde está Wally" (alguém lembra? Acho que tô entregando minha idade...). É a baixinha querida, metida e cantora... Ela desencalhou ao longo do curso... rsrsrssr
☼ Ulysses, tido como único homem da sala... Ele era um entre tantos (Chiquinho [saudoso chiquim....], Natanael [alguém sente falta disso?], Thiago [o sobrinho da tia Aldinar] e Rubens). Hoje é o último dos moicanos... Acredito que tantos homens, com excessão do Rubens [risos], desistiram por que é muita mulher... Cada dia a TPM de alguém.... Mas, enfim, espero que sobreviva, Ulysses!

Nos primeiros dias de aula: turma lotada de madrugada... Isso não acontece hoje!


P.s: peço desculpas pelas escolhas meio fora de contexto das fotos... Era pra ser só representações da turma...
Amo vocês!
P.s do P.s... 21 hs... Estamos vendo o que vamos fazer com as fotos do orkut da nossa turma... é muita coisa!!!!!!!!!!!!!

Em apenas 2 anos...

Quando entrei na UFMA, lá no comecinho do mês de junho de 2007, as coisas eram tão diferentes do que são hoje... Pra começar, a tradicional questão: Rubenita!!!!!!!!!! (eu mudei o texto pra quem lembra do original da tarde...)



Antes


Depois

Estamos apenas dizendo que você melhorou muito!
rsrsrs
Antes ninguém trabalhava, então podíamos estudar muito e fazer bagunça adoidado... Saudade da época em que chegava em casa 17 hs, varada de fome e ia dormir...
Naquela época, a Mônica (alguém lembra da Mônica????) estava com a gente... E... Como São Paulo mudou ela... Nem email nos manda mais... Saudade da época em que não almoçava no RU por que tinha vergonha por não saber segurar o talher (não que eu tenha aprendido, foi o ruim mesmo: eu perdi a vergonha...). Hoje até de boca cheia eu falo... Outro dia assustei um com a cor que o remédio deixa nos dentes...
E todos nós assistíamos a aula do começo até o final... A gente acreditava no que o professor dizia... A gente não tinha embasamento teórico pra questionar!
E Mayanna??
Cara, a Mayanna era adulta... Assistia aula... Não beliscava e nem mordia ninguém!
Raquel??? bom, Raquel chegava aqui... Tá, dizer que Raquel chegava no horário é um exagero... Mas ela chegava em algo que se parecia mais com o horário... Raquel já me aconselhou a não mudar de curso... Raquel já puxou minha orelha por deixar de ir à aula pra estar na biologia...




A falta do que fazer no corredor

Mas ela mesma quer ser bióloga (não que eu queira ser bióloga, eu queria um biólogo....)...
Falando em biólogo....
Eu entrei aqui BV!
E, foi indo à biologia e atirando em um biólogo que acertei outro... Mas que bom que errei a mira...
Quem mais tá faltando???
Ah, lembrei!
Ludmylla.... Vítima de suas próprias observações....
Ludmylla era calada... Hoje ela parece eu se manifestando na aula de Arquivística!
Quem te viu, quem te vê....
Lydiane não anda mais taaaaaaaaaaaaaaaaaanto de preto...
Ana Lucília sumiu....
Kádila apenas ganhou um ar de debochada que antes não sentíamos com o seu silêncio constante... Eu achei que ela fosse muda...

Kádila pensando

Lara até tentou ser bibliotecária, mas descobriu-se professora.... E nos abandonou...
Jéssica... Bom, Jéssica não mudou... As Repetidas não mudaram (nem ficaram um pouquinho assim diferentes... Em 2 anos não sei quem é quem...)... Kécia tá grávida... Priscila... Bom... Acho que também não mudou...
O que podemos dizer é aquele tempo em que chegávamos cedo e sentávamos no cantinho que chamávamos de nosso (o perto da escada, subindo pro nosso corredor) ficou pra trás... Já não chegamos todos juntos bem cedinho... Já não escolhemos um menino de Direito pra chamar de nosso...
Em resumo: sinto saudade do velho, ainda que o novo tempo chegue... Dói um pouquinho saber que muito de tudo que é bom ficou perdido... Dói saber que já não sinto a mesma confiança de chegar e conversar com todo mundo como antes... Dói saber que as cobranças estão maiores do que a amizade...
E o futebol na praia que nunca aconteceu????
Enfim, saudades de vocês....


Na Feira do Livro

P.s.: Alguns não foram citados, mas haverá um retorno....
Beijo!

Transformando meus lamentos em versos...

Parei de me perder em minhas loucuras e resolvi transformar tudo que sinto em verso.
São versos loucos, mas tão meus que parece que me fiz entender... Agora ele, o cara, sabe o que sinto... Sinto que "daqui pra frente tudo vai ser diferente..."...
rsrsrsr
Parece que soltei os meus demônios há tempos guardados com a ausência dos meus escritos... Parece que muito guardei substituindo as letras pelos desenhos... Muito perdi com isso... Ainda há aquela porção Soraya Carvalho guardadinha... pouco usada, mas ainda muito viva...

Suspiros...

E andava, como se no caminho não houvesse pedras, mas estrelas... Caminhava entre as nuvens, cantava velhas canções e vivia... Vivia como se o amanhã não existisse e como se hoje fosse apenas um sonho!

É tudo novo de novo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Dia começando...
Na verdade já estamos na metade do dia...
Hoje reencontrei o Nando... Um alívio...
Tava triste viver sem ele!
rsrsrs


Poeminha para quem tá gripado


Versos Íntimos

Vês! Ninguém assistiu ao formidável
Enterro de tua última quimera.
Somente a Ingratidão - esta pantera -
Foi tua companheira inseparável!

Acostuma-te à lama que te espera!
O Homem, que, nesta terra miserável,
Mora, entre feras, sente inevitável
Necessidade de também ser fera.

Toma um fósforo. Acende teu cigarro!
O beijo, amigo, é a véspera do escarro,
A mão que afaga é a mesma que apedreja.

Se a alguém causa inda pena a tua chaga,
Apedreja essa mão vil que te afaga,
Escarra nessa boca que te beija!
(Augusto dos Anjos)