Páginas

E elas levantam as saias...

Passos leves no corredor, 
Ninguém vem! 

Lá vai a santa com seu jeito travesso... 
Levanta a saia senta no colo do namorado e... 
reza pra não embuchar... 

Menina travessa, 
Sorriso inocente e julgamentos sem cabimento do que ela acha correto 
Mas o que é correto? 

Não falo palavrão, 
não falo de sexo,
 mas  faço... E grito! 

Menina bandida, esconde seus sonhos até de grandes amigas... 
Menina palhaça, não sabe o que quer e sempre disfarça 
Pra todos ela é santa, mas... 
De todos se esconde e muitas vezes não sabe nem quem é...

Vá se danar!

Cansada das mesmas pessoas e as mesmas reclamações... 
Cansada de marcarem e desmarcarem comigo e eu sempre ser a última a saber... 
Cansada de ser posta em último lugar na vida de todo mundo! 
Eu quero ser a primeira a saber que vou ser deixada de lado. 
Quero ter algum valor na vida das pessoas... 
Quero ser mais do que a garotinha “entupindo a timeline” alheia de besteira... 
Quero mais perto quem me quer bem de verdade e bem distante os tontos, bestas, frescos, bocós... 
Enfim... Quero ser maior que os obstáculos e maior ainda que aqueles que os põe em minha frente. 
Amém ????

Ensinamentos confusos

Surpresa ao receber meu projeto de monografia. A professora mandou eu desfazer tudo o que eu havia feito antes. 
Um projeto revisado 2 vezes por uma tia não tem validade nenhuma pra outra tia... Até a norma tá errada... Estranho? 
Eu fiquei besta! 
Mas, não é de hoje que ouço esse tipo de reclamação do povo que estuda comigo e em outras turmas: “o que o professor fulano de tal disse, beltrano desmente lá na frente... Algumas vezes é fulano de tal que se desmente mesmo... E quem irá dizer que estamos errados? Qual é a forma certa de fazer o bagulho?”. 
Uma vez uma professora (a gente não pode nem falar a disciplina e/ou o assunto que já se compromete feio...) disse uma coisa na nossa turma e a Mayanna repetiu na apresentação de trabalho de outra senhora, uma professora muito querida, conhecida por todos como senhora da razão... Até hoje a gente não sabe quem tava certa, o fato é que senhora da razão ficou irada com a nossa afirmação... 
Enfim, eu já até pensei que certas coisas só ocorressem aqui, na biblio... Mas, com o tempo e convivendo com seres de outras áreas descobri que isso é perfeitamente normal... 
Mas, que dá um nó desgraçado na cabeça da gente, isso dá... 
O pior nem é isso... Tá, é isso, mas tem mais... 
Os professores as vezes são muito ausentes de sala de aula e quando voltam dá-lhe sede desgraçada de seminários, artigos, trabalhos e provas... Tem gente que não aguenta... Eu não aguento! 
Eu, de boa, odeio trabalhos em cima da hora, que parecem inventados por que o professor precisa viajar e não quer levar a disciplina até as férias. Eu nunca me importei de levar disciplina até as férias, eu nunca deixo de vir a UFMA nas férias mesmo... Mas, eu sempre odiei esses trabalhos que eles passam hoje, pra apresentar amanhã, porque semana que vem eles não estarão na cidade... 
Putz, e eu tenho culpa? 
Eu viro vagaba de um dia pra outro e posso matar serviço pra fazer trabalhos inventados. 
Eu queria que fosse o contrário... 
Eu queria ver o que eles iriam inventar pra mim no dia seguinte... 
O pior nem é só isso... É você se desesperar, não matar serviço porque não pode, não dormir porque não dá... O TRABALHO É PRA AMANHÃ! 
E quando o amanhã chega, o professor fala todo sorrisos que deixou pra semana que vem. 
Dane-se teus esforços de ser um aluno legal... 
Se o seu não estivesse pronto... Você estaria ali na frente, chorando desculpas “esfarrapadas” pra um sujeito frio e calculista que não vai ligar...

Lembrei agora puscadiquê passei tanto tempo sozinha...


É engraçado como uma lembrança puxa a outra e, de repente, a direção de nossos pensamentos mudam de tal forma que você mesmo não sabe porque diabos lembrou daquilo...
Todos os caras que vieram antes do meu namorado queriam que eu mudasse algo... O algo é desde minha religião até minha foto de perfil... Odeio gente que acha que me manda.
Com meu namorado fei deixei claro que de minha vida cuido eu e da dele... Bom, eu também cuido! Hehehe...
Mas o Nando não é criança pra fazer o que eu mando e muito esperto pra esperar 10 minutos e esperar meu beijo quando a raiva passar. Ele sabe que eu me tocarei, em algum momento, do quanto o excesso de controle num namoro faz mal e, além de tudo, é ridículo.
Nunca gostei da idéia de uma relação em que um fala e o outro baixa a cabeça.
Eu vou onde quero, falo o que quero e exponho minhas ideias do jeito que gosto.
Tô em um namoro de 2 anos, cheio de choques, cheio de diferenças culturais, mas mega feliz por estar com quem amo podendo ser o que sou.
Ok, funciona também na base da ameaça: mais uma foto sem camisa e EU também boto uma foto minha sem blusa no perfil... Hehehe... Deixa eu ver se ele mudou... Não mudou! Eu o amo...
Ah, e a gente briga também puscadiquê ele tem a mania de, quando quer ser romântico, colocar uma foto do casal simpático que é nós dois... Só que ele escolhe a mais ridícula... A que eu tô papuda, gorda, sem pescoço... Aí, para o bem de nossa relação... Meu perfil, minha foto. O perfil dele, a foto dele. Não me acho menos comprometida por isso.
Humm... A gente já brigou por eu ligar demais, por ele não ligar... Por eu ser esparrosa e ele muito quieto... Por ele estudar muito e eu quase não pegar em livros... Por eu rir demais e ele tão quieto, sério... Por ser escandalosa e desavergonhada e ele ser tão tímido e rigoroso com seus planos...
Confesso que já chamei o Nando pra porrada até por ele ser paciente demais, por saber esperar...
Enfim, o meu namoro tinha e tem... Tudo pra não dar certo. Somos opostos demais... Mas tem dado, graças a Deus (e a divina paciência de Nando)... E se ele fosse igual a mim, como muitos queriam não daria certo. Antes dele vieram outros... Tão parecidos comigo como desejavam algumas apostas... Mas taí Mo'Nando, o menino que sobreviveu.

Oração

Senhor,
Estás aí???
Desculpa, é que desde que falaram que não habitas em mim, tenho medo de tê-lo deixado fugir de mim de novo...
Pai, abençoe nossa vida, nossos caminhos...
Esteja ao nosso lado.
Agradeço o aprendizado diário e que foi tão grande na semana que passou...
Abençoe a vida de meus irmãozinhos, ajuda-nos na evolução de nosso espírito...
Dá-nos força e coragem sempre!
Amém!

“Beijos não são contratos”!

Até que ponto podemos acorrentar outras almas a nossa?
Até quando podemos levar adiante, ignorar problemas, falhas ou qualquer outro nome bonito que podemos dar a nossos erros?
Me encontro no meio da tormenta...
Estou com tantos pensamentos confusos, medos, dúvidas...
E a certeza de que os sentimentos que tenho hoje não são meus...
Em: 23.08.09

A certeza,,,

E os dias passam, os sentimentos vão ficando mais fortes e você vai perdendo cada vez mais o medo que tinha....
A nossa relação está evoluindo!
Os sonhos estão cada vez mais parecidos, os desejos vão aos poucos sendo revelados, e o desejo de realizar sonhos juntos se sobrepõe a todos os outros...
Agora Deus pinta sua vida com novas cores, cores inéditas pra você... Cores de vida e não de medo... Cores de sonhos... Cores de um futuro bom que você sabe que viverá...
Em: 22.08.09

Julgamentos...

Qual a referência para o conhecimento total sobre uma pessoa com quem não conversamos?
Porque as pessoas julgam conhecer pessoas com quem não convivem, com quem não conversam e pra quem não dão a mínima atenção?
Só estou cansada de ver velhas discussões se repetirem...
Opiniões que mais parecem a pura inveja, despeito puro!
Debates inúteis sobre a vida alheia que nos faz querer gritar: “VOCÊ NÃO CONHECE ESSA PESSOA PRA JULGAR!”... Mas o medo de machucar é maior e a gente se cala... Se resolvermos gritar tudo o que fica na nossa garganta... nossos companheirinhos estariam lascados...
Em: 15.08.09

Três dedos

E três dedos lhe apontam, mas você só está munido de um. E muitas culpas lhe são, e você se mostra, se diz culpado por elas... E pede perdão por seus erros, mas seus erros se repetem algumas horas depois... 
Nesse momento quero apenas segundos de paz para analisar, pra saber o que eu estou condenando agora: a mentira contada, a sensação de ser usada, as palavras carinhosas demais dirigidas a outra pessoa... 
A verdade é que ainda não sei! 
Agora chega o momento do julgamento que todos fazem e que você não quer nem ouvir, nem fazer. A verdade é que o tamanho de nossos sentimentos não devem ser julgados pela cara que fazemos enquanto ou depois que algo nos acontece. 
Existem pessoas capazes de guardar, esconder todo e qualquer sentimento, eu as chamo de psicopatas. 
Eu tenho medo de esconder sentimentos e tenho medo de quem os esconde... 
Em: 11.08.09

Oração

E meus ouvidos estarão atentos ao teu chamado...
Seguirei teus passos...
Te amarei pra sempre... Serei teu filho honrado e não julgarei jamais...
Habitarás onde eu estiver...
Farás morada em meu peito...
Amarei meus irmãos, como me ensinou....
Estarei contigo e farei de Ti meu sonho real...
Amém

E qual comportamento cabe a um bibliotecário?

Hoje a Mariana me contou que meu blog foi criticado por uma professora no Ritual de Passagem do curso...
Ela disse que escandalosa não corresponde ao perfil de bibliotecária.
Gente, só pra deixar claro... Para quem ainda não entendeu: o meu blog não é de biblioteconomia. Não fala de biblioteconomia. E não tem a pretensão de ser de biblioteconomia.
Ele simplesmente é meu!
Só meu!
Só fala de mim!
Nem todo bibliotecário é silêncioso... Não somos monges copistas, não nos calamos e somos reclamões que só o diabo.
Me apresente um bibliotecário silencioso e te direi: "esse é mudo, pode levar!".
Brincadeiras a parte, eu só quero deixar claro isso: a bibliotecária escandalosa que dá título ao blog sou eu, e não um perfil profissional.
O que falo aqui é o que me dá na telha... Eu falo como escrevo e escrevo o que penso.
Só isso que tenho pra falar.

Enquanto Freud culpa sua mãe...

Meus amigos falam que são meus peitos!
Se um cara passa e me dá boa tarde...
"Não foi para você, Sol, foi para os seus peitos!"
Se eu digo pro meu namorado, por telefone, que tem um cara me paquerando...
"Qual a blusa que você está vestindo?"
Se eu falo que é uma blusa bem fechada...
"Você tá de saia? Seu short é curto demais?"
Parece que tudo se resume a corpo...
Parece que ninguém pode ver nos seus olhos e descobrir que você é uma pessoa maravilhosa.... É, tem razão... Nem eu faço isso... É necessária uma boa conversa pra sair alguma coisa...
De qualquer forma... Não é só os homens que só pensam naquilo...

Sentimentos confusos

Não os meus, os dele...
Eu sempre sei o que quero... Embora não saiba bem expressar isso algumas vezes... Sou excessiva demais... Bem redundante mesmo!
Se quero colo, não tenho vergonha, não importa o lugar, eu peço...
Não importa as circunstâncias, eu corro atrás... Porque apenas quero...
Quero que seja igual pra ele... Quero que ele supere todas as confusões de sua cabeça e ouça mais o coração...
(Eu sei que ele me quer, deixe ele falar mais alto!).
Apenas isso... Vai passar...

Eu não quero pensar em fim...

Tô descobrindo tanta coisa de mim que não sabia...
Tô rindo com as paredes, mas é triste...
Eu tô feliz de certa forma...
Acho que não acabou, entendo o tempo... Espero o tempo...
Não, isso não é humilhante, é apenas a escolha certa... Eu prometi a quase 1 ano atrás que permitiria isso e quero acreditar agora que está acontecendo da forma certa...
É só um tempo...
Nos dedicaremos durante a semana a nossos trabalhos e estudos... Não nos veremos, não nos falaremos... Mas qualquer dia do nosso fim de semana pode ser nosso... Aí teremos o abraço apertado que faltou em meus momentos de desespero... Aí teremos o alívio do ombro do outro por toda a loucura que aconteceu durante a semana, mas já passou...
Seremos só nosso... 
Mas sem dependência...
Isso jamais será o fim... Não agora.

Oração

Senhor, 

Ilumine nossa vida, nosso caminho....
Nos proteja de todo mal.
Abençoe essa semana que começa, faça com que tudo dê certo na nossa constante busca por nossos sonhos...
Não nos abandone.

Amém

Mulher de fases....

Hoje sou a criança
Aquela que ontem te amou, mas hoje esconde a cara...

Amanhã serei a outra...
A imperfeita...
Aquela que não tem jeito e não toma juízo...

Hoje sou a mocinha...
Puritana
Calma
Simples...


Tensões amorosas

Acho que é natural a qualquer relacionamento alguns momentos de tensão...
O grande problema é que o meu está passando por um atrás do outro...
Dizem que nesses momentos o amor é mais forte e supera tudo... Mas é mei difícil quando a gente não consegue conversar direito com a pessoa....
Eu amo muito meu namorado, mas nunca sei se ele me ama, o pouco que seja... Apenas amor... Sei lá!
Ando tão confusa... Chorando mais... Parecendo uma manteiga derretida...
Ando nas sombras, tentando o entender o que se passa...
Ando meio louca...
Mas, é isso...
Ando sem grandes inspirações...

O fim de mais um dia...

Às vezes me desespero tanto por coisas que no fim do dia sinto que não foi nada...
(pássaros cantando na biblioteca... bizarro...)
Eu queria apenas sentir, no momento em que sinto todo aquele desespero, queria sentir que não é nada como consigo enxergar depois...
Queria não delirar, não fazer besteiras, não pagar mico...
Queria me comportar, ser legal, como sou na perda, ser maior do que sou sempre...
Ser melhor...
Mais forte... Até mais bonita... O desejo é meu... é incontrolável...
Quero ter tudo ao mesmo tempo... tenho sonhos gigantes que minhas costas não suportam carregar...
Sou pequena...
Frágil...
Amarga...
Infantil...

Morrendo de sono, numa aula chata...

Resolvi escrever pra ver se eu não durmo..
Mas, sobre o que falar?
A professora tá falando sobre os hábitos de consumo dos maranhenses na pré-história...
Tem gente que não se toca...
Pow, eu coloco a porra do fone de ouvido pra ouvir música e neguinho quer bater papo...
Boto os fones de ouvindo pra fugir do mundo, às vezes das pessoas que habitam esse mundo...
Tipo?
Bom, hoje fui abordada por uma pessoa que eu NÃO SUPORTOOOOOOOOOOO... Mas, a desinfeliz não se toca disso...
Ela me chamou trocentas vezes, e como eu não olhava pra ela, ela começou a gritar...
Daí, como todos me olhavam, falei com ela.
Ela perguntou o que queria, eu respondi... Mas, a pessoa é tão nojenta que sai do meu lado falando... Eu louca pra ir embora e ela me seguindo falando as águas de sempre se fazendo de coitada... Vontade de mandar ela pro inferno tava grande... Mas, às vezes, é bom fingir que a gente tem educação...

Versos depreciativos

Piquena, tua bunda é muito grande
parece a bunda dum elefante

Seus dentes são tortos e imperfeitos
parece que você não tem peito

A tua barriga tá cheia de lombriga
tuas pernas também não são tão compridas...

Oração

Senhor, sei e creio em quem está acima de todas as coisas, todos os pequenos erros daqueles que falam que és justos, que te amam, mas que não estão dispostos a abrir mão de nada por teu amor...
Sei que estás ao meu lado, que me acompanha e não me abandona em nenhum momento...
Enfim.... águas passadas... tentarei não dar importância, como infelizmente dei, quando alguém resolver dizer que não estás em minha vida.
Eu sei que estás... Afinal, se eu estivesse falando sozinha, eu não teria respostas...
Senhor, obrigada pela companhia única e sincera de sempre...
Obrigada porque as coisas estão melhorando na minha vida e na vida de minha família... Estenda essas bençãos aos meus pobres e distantes amigos...
Dê-nos saúde, paz e muitas alegrias essa semana.
Não nos abandone...
Amém!

Meu namorado não gosta de mulheres e outras pérolas...

Um dia, em uma dessas conversas de banheiros, duas meninas falavam sobre fidelidade...
Eu sei que é feio falar de casos alheios, mas esse eu tenho que falar é maior que eu!!!! (é meeeeeeeeeeeesmo... também é feio ouvir... vou ficar surda na próxima, prometo)...

As duas meninas entraram no banheiro sorridentes, viram uma coisa muito engraçada: o Léo*, namorado de Teresa* tava ficando com a melhor amiga dela, Vanessa*.
Teresa*, pelo que diziam as meninas, pregava por aí que Léo* era muito fiel a ela, não gostava de mulheres (eu também me perguntei se Léo era gay)... E lá estava o tal do Léo*, metido na escada do Bloco 6, se enroscando com a tal da Vanessa... E todo mundo tava vendo o quanto Léo*, que não gostava de mulheres, tava curtindo a vida.
"Menina, mas Léo não tá ficando só com Vanessa*... Léo* ficou com a Luana* na calourada geral do ano passado"
"Mas, ele já tava com Teresa*..............?"
"Falando em casamento, minha filha!"

Fica difícil não lembrar o grande número de Léos que eu conheço... cara, meu inocente amigo, de certa forma, foi um Léo com a namorada.... Conheço caras que prometeram amor eterno até pra mim (que sou feia, baixinha, gorda, buchuda, com nariz de bolota...), mesmo tendo namorada/noiva/esposa...
Acho que não podemos deixar nunca de confiar nos nossos namorados... Mas, gritar a fidelidade inexistente dele por aí é ridículo, principalmente pra quem conhece bem o moço...
Quando a namorada de alguém me diz que o cara com quem ela tá namorando é um "HOMEM" diferente, que é fiel e tals... eu não tenho como esconder meu constrangimento por conhecer não apenas os homens, mas conhecer AQUELE HOMEM especificamente.
Acho que um homem pode sim amar muito uma mulher a ponto de não trocá-la por qualquer uma... Mas, eu não vou em momento algum dizer "ele nunca me trairá, porque me ama".
Acho que trair é um conceito meio complicado de se explicar.
Entendo traição como sendo quando uma pessoa te engana. É quando ela fala: "FULANA, EU NÃO TROCARIA VOCÊ POR NINGUÉM NESSE MUNDO", e ele troca.
É quando ele diz: "EU NUNCA BEIJAREI/TRANSAREI COM OUTRA"... e ele beija, transa, tira fotos, expõe no orkut fake dele...
Traição é isso.
É quando há aquela maldita promessa de que ele nunca vai ficar com ninguém, nunca vai beijar, nunca vai falar...
Uma vez um amigo me disse que o problema não era o homem, era a mulher.
Alguns homens não estão dispostos a trair, mas a mulher pede para que isso ocorra.
Ela pede promessas... Ela se ilude com as promessas que obriga o cara a fazer.
Tô pouco romântica e machista hoje, né?
Desculpa... Eu quis apenas dividir um ponto de vista...
Você pode ignorar se quiser... Se enganar é uma opção tua.... Acusar o outro de coisas que você fez... outra totalmente diferente...