Páginas

Seria mais fácil te amar...

Fonte de imagem: Zun
Seria mais fácil te amar se todos os dias fossem verão,
 embora eu te deseje mais no frio do inverno.

Seria mais fácil te amar se todos os dias fossem sorriso,
 embora muitas vezes deseje a companhia do teu silêncio, mesmo que tristeza.

Seria mais fácil te amar se todos os dias você me beijasse, 
 embora eu sempre me sinta acariciada pelo som da tua voz.

Seria mais fácil te amar se você não fosse tão chato,
 embora eu não saiba o que seria de mim sem todas as tuas frescuras.

Seria mais fácil te amar se todos os dias fossem de vitória,
 embora nós saibamos que é da derrota que vem o aprendizado e nela que sabemos nossa força.

Seria mais fácil te amar se toda vez que eu disse que te amo, você dissesse "eu também",
 embora a gente saiba que você responderia "eu também me amo" e nós riríamos... fazer rir também é uma forma de demonstrar amor, então me conformo.

Seria mais fácil te amar se toda vez que eu emburrasse você insistisse, 
 embora toda vez que eu me "emburro", nós saibamos que dá merda, então... é melhor estar longe como você sempre faz.

Seria mais fácil te amar se você fosse afinado,
 embora a tua falta de ritmo e desafinação sejam a verdadeira graça de tua cantoria.

Seria mais fácil te amar se tu me amasse...
Mas quem disse que precisa ser assim... fácil, doce... e chato!
Quem disse que eu me importo se você não gritar como eu grito, não me amar como eu amo?
Eu sei o que sente no teu silêncio...
E pode não ser fácil... Eu sei que é amor.
Gostou desta postagem? Então clique no botão ao lado para curtr e Twittar!! Aproveite para nos adicionar no Facebook, seguir no Twitter.

Sobre a louca que escreveu:
Soraya Carvalho Meu nome é Soraya, mas me chamam de Sol! Tenho 31 anos, estou tentando me reapaixonar por tudo o que escolho... Sou formada em Biblioteconomia, recém-convertida católica (ainda que batizada desde 1995), estou aprendendo a lidar com a ansiedade e tenho pensado em tentar falar sobre a luta e o aprendizado diário... Viver requer paciência, e eu não tenho.