quarta-feira, 30 de julho de 2014

[Dica de filme] 500 dias com ela

Fonte de imagem: Adoro Cinema
Assisti esse filme por indicação da minha irmã... E me identifiquei totalmente nos primeiros 10 minutos de filme porque acabei de ter um relacionamento que não era relacionamento bem parecido com o que os personagens da história viviam (tipo, a gente ficava, mas não ficava... Porque ficar é uma coisa muito descompromissada e não somos desse tipo, mas também não namorávamos, porque é compromisso demais e a gente não queria ter nada no momento... Embora, quem olhasse a nossa necessidade de fazer as coisas juntos e as ligações da madrugada só "pra ouvir sua voz", seria capaz de jurar que casaríamos, sabe?).
Hummmm.... Enfim...
O filme sempre fica mais interessante quando a gente vive e sente as mesmas coisas que os personagens... No meu caso, sou o Tom. Ainda estou tentando entender qual é da Summer, mas juro que se ela casar com outro.... CREC. (imaginem meu dedinho passando pelo pescoço... embora eu não tenha pescoço).
Enfim... o filme é indicado para relações não definidas e complicadas... Amores platônicos que são ruins de explicar porque são isso.
Ai, meninas... e o ator é muito gatinho, viu?

SINOPSE
Tom Hansen (Joseph Gordon-Levitt) está em uma reunião com seu chefe, Vance (Clark Gregg), quando ele apresenta sua nova assistente, Summer Finn (Zooey Deschanel). Tom logo fica impressionado com sua beleza, o que faz com que tente, nas duas semanas seguintes, realizar algum tipo de contato. Sua grande chance surge quando seu melhor amigo o convida a ir em um karaokê, onde os colegas de trabalho costumam ir. Lá Tom encontra Summer. Eles também cantam e conversam sobre o amor, dando início a um relacionamento.

segunda-feira, 28 de julho de 2014

[Pronto, sai de casa!] Subway com Ruan...

Quase eternizando nosso amor num beijo.
Ontem fui ao shopping novo com o Ruan.
Cara, shopping distante é uma das maiores bençãos já inventadas!
Nada mais lindo do que passear num shopping vazio... Escolher onde sentar sem esperar alguém se levantar e poder conversar a vontade.
Achei o sutiã que procurava faz tempo... Achei a forma que procurava faz tempo... E quase achei um marido no tinder.
Brincadeira!
(mas eu procurei mesmo).








sábado, 26 de julho de 2014

[Dica de filme] Frozen - uma aventura congelante

Fonte de imagem: Cinema
"Amar é colocar as necessidades de alguém acima das suas"
Olá, pessoinhas...
Vim só indicar um filme que achei massinha, ó.
O nome do filme é "Frozen - uma aventura congelante". Eu pensei que me decepcionaria com ele, como foi com "Encantada" e como é com a maioria dos filmes de animação da Disney, mas o filme foi fofo sem ser chato pra caramba.
O filme conta a história de amor entre irmãs, o que é algo inédito pra mim. Não que não exista amor entre irmãs, isso existe (e eu amo as minhas), mas essas histórias tendem a destacar a concorrência entre irmãos e sempre colocam alguém como vilã ali.... Sempre é algo muito chato. No filme, Anna ama muito a irmã mais velha e quer sempre estar com ela, assim como Elsa (a tal irmã mais velha). Mas por uma questãozinha elas não podem ficar juntas... E o filme todo mostra a Anna correndo atrás da Elsa porque só quer estar do lado dela e tals...

Assiste o filme! 
Fica mais fácil entender.

Beijo!

SINOPSE (via Adoro Cinema)
A caçula Anna (Kristen Bell/Gabi Porto) adora sua irmã Elsa (Idina Menzel/Taryn Szpilman), mas um acidente envolvendo os poderes especiais da mais velha, durante a infância, fez com que os pais as mantivessem afastadas. Após a morte deles, as duas cresceram isoladas no castelo da família, até o dia em que Elsa deveria assumir o reinado de Arendell. Com o reencontro das duas, um novo acidente acontece e ela decide partir para sempre e se isolar do mundo, deixando todos para trás e provocando o congelamento do reino. É quando Anna decide se aventurar pelas montanhas de gelo para encontrar a irmã e acabar com o frio.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Delírios de uma bibliotecária viajada...

Fonte de imagem: Gartic
Há tempos não escrevo... A quantidade de erros ortográficos que consegui cometer me assusta... Parece que quero, de alguma forma, atingir um recorde mundial... Enfim! Besteiras minhas!
O sono que tanto sentia e me queixava, hoje já não me incomoda tanto. Questiono qual a necessidade de dormir se tão feliz estou conseguindo ser acordada!
E me despedi da minha vidinha de sonhos, para entrar em uma realidade que já não posso me queixar.
Ainda assim tenho pedidos insanos e infinitos para fazer para Deus... Antes que o dia termine... Antes que minha vida acabe...
Não que seja mais fácil lutar com armas no chão, apenas não vejo uma grande necessidade tê-las comigo. Baixei a guarda e agora estou vivendo... Quero falar o que sinto, mas não quero dividir com ninguém minha felicidade... Temo dividir mal e acabar dando mais do que possuindo... Velhas loucuras de uma criança sonhadora que não se cansou de ser egoísta.
E tento levantar pro mundo velhas bandeiras, defender ideias tão antigas quanto minha vó, mas que não são entendidas, nem respeitadas desde a época dela.
Só peço isso em minhas orações: saúde, sucesso e paz mundial... Como qualquer miss.

________________________________
Originalmente postado em 23 abr. 2009.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

[Reblogando] O príncipe Desencantado

Fonte de imagem: I must be dreaming.......
Ele veio devagar em seu cavalo negro de nome Falcão. Caminhava por uma longa trilha cortando caminho com sua espada. Sempre cheio de bons modos, fazia questão de dizer que era “politicamente correto”.
Procurava pela Princesinha Sem Pescoço, como um leão procuraria sua caça. E, ao encontrá-la, fingia não reconhecê-la. Para isso soube dar explicações convincentes, pois, como uma pessoa “politicamente correta”, não sabia mentir.
Assim, o príncipe foi aos poucos se tornando sapo. Usou de palavras difíceis para justificar seu distanciamento. Procurou as formas mais educadas, mas ainda assim ridículas, para desviar seus caminhos dos da Princesinha Sem Pescoço.
Tornou-se um gentil mentiroso.
No fim, ele sumiu!

______________________________
* Postado originalmente em 16 fev. 2009.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Dica de leitura - Divã (Martha Medeiros)


"Toda mulher tem seu dia de confessionário e sempre escolhe a amiga errada para fazer o papel do padre".
Olá, pessoas!
Vim aqui só pra indicar o livro...
Acho que muitos de vocês devem conhecer o filme "Divã", estrelado pela Lília Cabral... Eu tive a surpresa de saber que ele é um livro e, mais que isso, é de autoria da famosa Martha Medeiros... Autora que eu conhecia apenas por citações do facebook (citações fodásticas, diga-se de passagem).
O livro conta a história de Mercedes, uma professora de matemática/artista plástica que começa a redescobrir a vida através de sessões de análise. E a narrativa da história acontece de um jeito, que a gente acaba sentindo que nós somos o Lopes (o analista da Mercedes). Cada vez que ela fala algo pra ele (coisas como "não faça essa cara, Lopes", "eu sei que você pensou isso"), a sensação que dá é que ela está respondendo a nossas próprias reações...
A leitura do livro me fez lembrar, muitas vezes, da minha agenda (saudade de escrever em agenda...).
Nunca tinha lido Martha Medeiros, mas me pareceu tão familiar... Pareceu que eu sempre li ela, sabe... Parece que estamos lendo algo tão íntimo que chega a ser nosso.
Estranho, mas muito gostoso.
Pra quem acha que não vale a pena ler, por já ter visto o filme e tal... A dica é.... Sim, o filme se parece muito com o livro, algumas coisas no filme são até mais divertidas... Mas o livro é fantástico em cada frase.

SINOPSE (via Skoob)
Divã´ conta a história de Mercedes - uma mulher com mais de 40, casada, filhos - que resolve fazer análise. O que começa como uma simples brincadeira acaba por se transformar num ato de libertação; poético, divertido, devastador.

terça-feira, 22 de julho de 2014

Pérolas do meu facebook...


Acontece muito de eu encontrar pessoas do meu face pessoalmente e eles falarem que leram algo no meu face e gostaram muito, morreram de rir ou agradecerem por minhas palavras e por alegrar seus dias... Confesso que às vezes eu mesma abro meu face pra rir um pouco. Dou volta nas minhas postagens mais antigas e fico rindo da minha coragem em postar certas coisas.
Acho que essa é a minha postagem mais egocêntrica, né?
Vamos aos destaques...
De uma coisa eu posso me orgulhar... Eu tenho o sovaco mais cheiroso do mundo...
Desde 6h da manha sem tomar banho e ainda dá pra passar uns dias.
ELE: Qual é o curso que mais chora o preço da normalização?
EU: Acredite... Biblioteconomia.
ELE: Mulher bonita não fala palavrão.
EU: Porra, cara, é foda.... As feias se desgraçam falando essas merdas, né?
Aquele momento em que o cara diz que ficou contigo e tu revisa lentamente a cara dos 4 talentos que beijou... Num lembro disso não, ó... Foram muitas, cara... Mas não foi eu não.
ELA: Own, normaliza.... Eu sei que tu não vai fazer nadinha hoje e tu faz rapidinho...
EU: Tenho 1 livro pra ler, missa pra ir, uma apostila de concurso pra estudar, um blog pra atualizar, algum livro chato sobre educação pra ler também... Carta pra escrever, amigos pra conversar, um cara muito gato pra beijar e até tentar corpo nu... Tudo isso é caro, filha! Veja o tempo de juventude que tu me rouba numa rapidinha que não é rápida porra nenhuma.
ELA: Eu não tenho coragem de pagar pra alguém normalizar pra mim... Tu pode fazer, Sol?
EU: Sabe o que é... Eu não tenho coragem de normalizar pra quem não paga.
Trago minha sobrinha pro trabalho e tenho que ouvir ela dizer que é legal porque eu não faço nada.
Oi?
Sobrinha quer ficar sem dente.
Macho que é macho tem que saber o que é TPM e o que é manha... Caso contrário, procure outro macho!
Eu estou bem, querido Face, muito obrigada...
Acho o senhor tão lindo?
Podemos entrar em um relacionamento sério?
Estou sem nenhum... sou viciada em status de relacionamento.. *-*
Pelo menos meu face me pergunta como eu tô... Enquanto alguns "amigos" só querem saber se minha mono tá pronta...
Droga, o cheddar grudou no guardanapo... vou ter que comer o guardanapo...
O blog é meeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeu
O face é meeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeu
Eu escrevo quantas porra eu quiser!
(se papai não ver e brigar...)
Foto de bunda transmite a seguinte mensagem: "Ela é mil vezes mais bonita que minha cara, e mais importante que minha cabeça também"...

segunda-feira, 21 de julho de 2014

[Catoliquices] Chuva de graça

A maioria dos participantes considerou o Chuva de Graça deste ano superior às versões anteriores. A festa de ontem reuniu um grande número de jovens e contou com a apresentação de várias bandas.
O ministro da Palavra e Sagrada Eucaristia Reginaldo Assunção conduziu a exposição do Santíssimo durante a adoração, realizada primeiramente por membros da equipe organizadora do evento.
Subiram ao palco as bandas Hallel Yeshua, Ministério DNA e Amarte. Houve apresentação do grupo de teatro Contracenando para Cristo e do DJ Júnior.
O Chuva de Graça é promovido pelo Setor Juventude da Paróquia Nossa Senhora de Nazaré e tem por objetivo arrecadar fundos para a Ação Social Frutos das Chuvas, que beneficia aos atingidos pelas enchentes.
Membros da organização do evento informaram que a ação social será realizada novamente em Axixá. (Paróquia Nossa Senhora de Nazaré - Clique aqui para ver todas as fotos)


domingo, 20 de julho de 2014

Cor-cor-Cordeirô!


Geralmente, quando é aniversário de um amigo, escolho uma foto em que estamos juntos e escrevo um pequeno texto sobre nossa amizade... busquei em todos os meus arquivos uma foto em que eu e o Guii aparecêssemos juntos e encontrei apenas essa.
Há uma explicação: eu liguei pra ele e disse que precisava de alguém pra conversar e ele disse que era pra eu encontrá-lo que a gente caminharia um pouco, conversaria e tomaria sorvete. Eu, inocente, achei que caminhar fosse passear e cheguei lá de vestido, toda arrumadinha... enfim.
Voltemos para a "homenagem"...
Acredito que não havia dia melhor para o meu melhor amigo nascer... Assim como não haveria nome melhor para ele... "Guilherme", descrito em dicionários como confidente, amigo, companheiro, protetor...
Temos uma amizade que já dura 14 anos e carrega consigo boas e más lembranças... mas ele tem o dom de me fazer apagar as más, esquecer o que há de negativo e avançar... sempre.
Nossa amizade já passou por tudo... as situações mais risíveis e até as mais tristes. Nunca esquecerei todas as vezes em que você foi meu ombro, minha panaceia... nunca vou esquecer das inúmeras vezes que te busquei, meio desequilibrada, e voltei sorrindo... porque tu tem um dom incrível de me fazer esquecer os problemas, as dores...
Também não esquecerei todos os meus trabalhos de inglês que você fez! Kkkkk
Não foi a toa que passamos 6 anos afastados e conseguimos resgatar tão fácil aquela amizade que existia entre o menino que lia a barsa e a menina que rasgava revistas na biblioteca... cúmplices matando aula de religião e educação física!
Não é a toa que nossa amizade resistiu ao tempo, ciumeiras de respectivos, falta de tempo...
Enfim..
É uma honra ser tua amiga. E peço diariamente que o Pai do Céu não permita que o tempo/a falta de tempo nos afaste.
Feliz dia do amigo.
Feliz aniversário.
Amo você, Cor-cor-cordeirô!

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Amando...

Esqueci de pegar a fonte da imagem.
Quem me conhece a muito tempo sabe que eu sou terrível quando estou apaixonada... E de repente me vi amando esse cara que é lindo, educado, carinhoso e que transforma meu dia ruim na melhor coisa do mundo... É incrível.
Hoje aconteceram coisas terríveis e só o fato de que eu o tinha ali tão perto já foi um conforto tão grande...
Receber a atenção dele em um detalhe simples como um bilhete (que infelizmente eu perdi) pedindo para acompanhá-lo em uma sessão de cinema... Não sei, cara...
Nunca pensei que eu fosse amar alguém assim de novo.
E ele me aparece, tão perfeito e pontual.
Tão preocupado com detalhes como o fato de que eu chegue bem em casa ou esteja feliz, e não chore, não sofra... Preocupações até exageradas, que o tiram um pouco de mim... Mas eu o amo. Na loucura e na falta de explicações que só o amor proporciona.

terça-feira, 8 de julho de 2014

Dica de leitura - Bem mais perto (Susane Colasanti)


Cara, a coisa que eu mais ouvia quando alguém me via com o livro foi "isso é livro de adolescente, tia!". E, de fato, isso é livro de adolescente e de corações moles...
Brooke é uma adolescente sonhadora que é apaixonada por uma garoto que está de mudança e ela, simplesmente, decide ir lá atrás do cara que ela diz ser o sonho dela.
Ok...
Só que Brooke faz muitas loucuras, ignora amizades, ignora a vida que está fora do mundinho particular onde só existem ela e o Scott (Ah, o Scott é o tal cara, viu, gente?).
O que eu não gostei no livro foi que ela ignorou o que a amiga dela sentia (a amiga dela também gostava do cara), ignorou o que a mãe sentia (ela descreve a mãe dela como uma senhora neurótica/dramática... e ignora tanto todo mundo que ela só fala dela, do cara que ela gosta e da amiga que ainda ouve ela falar do cara que ela gosta... No fim do livro você não fica sabendo o que acontece com a mãe e as amigas que ficaram em New Jersey... Enfim!
O livro é uma leitura leve e gostosa, apesar dos furos.
Vai ter muita coisa que você não vai ver sentido algum... Mas, enfim... "É pra adolescentes, tios".

SINOPSE (via Skoob)
Quando Brooke descobre que o amor de sua vida, Scott Abrams, está se mudando do subúrbio de New Jersey para Nova York, ela decide segui-lo até lá. Viver com o pai ausente e se adaptar a uma escola totalmente nova são desafiantes para ela — e as coisas ficam ainda piores quando ela descobre que Scott já tem uma namorada. Mas como ela aprende a sobreviver na cidade grande, começa a descobrir todo um novo lado de si mesma e percebe que, às vezes, o amor pode te encontrar mesmo quando você não está olhando para ele.
TRECHOS SELECIONADOS
“A ideia de estar com ele chega a ser mais emocionante do que estar com ele de verdade, mas é claro que eu quero que essa fantasia se torne realidade”.
“Tenho um novo desejo para a minha caixa de desejos: eu gostaria de saber, somente uma vez, como é confiar em alguém completamente, sem ficar decepcionada”.
"Ele não é esse garoto. Nenhum garoto é. Nenhuma pessoa pode ser tudo o que você espera que ele seja".
"Agora que sei para onde esta vida está indo, é hora de decidir como quero chegar lá".
"Uma das coisas mais incríveis que pode acontecer é encontrar alguém que enxergue tudo que você é e não a deixe ser nada menos. Essa pessoa vê seu potencial, percebe as infinitas possibilidades e, através dos olhos dela, você começa a se enxergar da mesma forma: como alguém importante, alguém que pode fazer a diferença neste mundo. 
Se você tiver muita sorte de encontrar essa pessoa, nunca a deixe ir embora".

domingo, 6 de julho de 2014

Projeto 6X6 - Férias

Olá, pessoas!
Pela primeira vez, em meses, estou trazendo o Projeto 6X6 no dia certo... TCHARAM!
Bom, o tema desse mês é... FÉRIAS!
Mas, como todos sabem, a tia não tem férias... Então ela selecionou coisas que já fez, ou gosta de fazer, e que gostaria MUITO de repetir...
Bora?
Jogar aquele frescobol no fim da tarde.
Voltar a Fortaleza c'azamiga.
Me matar num Subway e falar besteira com o Ruan.
Comer de novo aquela pizza numa terça-feira qualquer com pessoas queridas demais!
Um sonho antigo... Pegar sol e expor a minha peladeza na praia de Tambaba.
Ficar de pernas pro ar lendo um bom livro.
Gostou? Ficou curioso pra ver a seleção dos outros participantes?

sábado, 5 de julho de 2014

[Catoliquices] Minha Crisma

 Rubrica: religião. s
acramento em que se ratifica a graça do batismo; sacramento da confirmação. (DICIONÁRIO HOUAISS)
Ai, gente... Não sei nem como explicar o que eu estou sentido agora...
Há uma paz tão grande em meu coração e uma necessidade urgente de mudança...
Eu pensei que fosse um sacramento sem importância, confesso... Ainda que muitos falassem que a Crisma é um momento mágico da vida Cristã, eu nunca pensei que fosse de verdade... Eu encarei ela como uma simples formalidade até a hora em que fui ungida pelo bispo e desci do altar me sentindo nova criatura... É estranho e é bom!
Ontem fiz minha segunda comunhão (sim, gente... após 2 meses e depois de muitas missas, só ontem tive coragem de comungar de novo)... E pareceu-me, na verdade, a primeira... Será que sempre vou sentir isso?
Quando me ajoelhei em oração, tinha em mente muitos pedidos, mas minha oração veio quase gritada lá de dentro: "Senhor, permita-me a mudança... Me ajude a mudar, me ajude a mudar, me ajude a mudar...".
Fazia muito tempo que não me sentia assim... Viva.
Fazia muito tempo que minhas orações eram apenas palavras repetidas e vazias, pedidos soltos e muitas vezes sem importância... É incrível o poder de um sacramento, é incrível todo o sentimento que explode em nosso íntimo e o nosso desejo de espalhar isso.
Até brinquei com o Cloves na saída passando um pouco do óleo com que ungiram minha testa na testa dele.
Eu queria poder sentir isso todos os dias! Eu queria que todos sentissem isso!
Pai de Amor...Eu te agradeço por me permitir, mais uma vez, estar em tua presença. Eu te agradeço por esse calor com que me envolves na oração. Eu te agradeço a benção de mais um sacramento. Eu te agradeço pela força da fé que tenho hoje... Eu te agradeço e só agradeço.Amém.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Pronto, sai de casa! - Shopping com a família

Flagrei minha família indo passear no shopping e fui ser mala indo com eles de metida...
Enfim, sai de casa!
rsrsrsrsrs
Nunca tinha passeado assim com o povo lá de casa... Foi divertido, viu?










terça-feira, 1 de julho de 2014

Aquela música - Kiss me (Sixpence None The Richer)


Creio que essa é a música que eu mais amo, depois de "I say a little Prayer" (na Voz do Rupert Everett).
Sempre que ouço “Kiss me”, lembro dos momentos mais lindos de minha adolescência, lembro de meus sonhos, de meus pequenos medos e desejos... lembro sempre que não fui capaz de amadurecer meu coração e ainda desejo as mesmas coisas... ainda que eu negue.
"Kiss me" me lembra tardes chuvosas... Me lembra todas como vezes que fui à bio atrás do Guii e todas as vezes que caminhamos de braços dados pela UFMA, e todas as vezes que eu sonhei que ele me “pegaria de jeito” e confessaria que sentia o mesmo por mim... há muito tempo.
"Kiss me" me lembra meu primeiro beijo ... da magia que eu sentia sempre que ele quase acontecia... lembra também o desejo que senti quando abri os olhos, o desejo de que ele fosse com outra pessoa...
“Kiss me" me lembra os beijos mais demorados que já tive... Os curtinhos com gosto de quero mais...
“Kiss me" já embalou meus desabafos, as melhores conversas, meus sonhos bobos de que amores poderiam ser pra sempre ... E ainda embala os velhos sonhos.
E “Kiss me" toca sempre na minha cabeça quando encontro um amor... Sempre que desejo um beijo...
Enfim...

Beije-me longe da moita de cevada
Todas as noites junto à verde, verde grama
Balance, balance, balance o degrau giratório
Use aqueles sapatos e eu usarei aquele vestido

Refrão
Beije-me sob o crepúsculo
Leve-me pra fora, no chão iluminado pela lua
Levante sua mão aberta
Faça a banda tocar e faça os vaga-lumes dançarem
A lua prateada está brilhando
Então, me beije

Beije-me ao lado da casinha na árvore quebrada
Balance-me alto no seu pneu pendurado
Traga, traga, traga seu chapéu florido
Nós tomaremos o caminho marcado no mapa do seu pai

Beije-me sob o crepúsculo
Leve-me pra fora, no chão iluminado pela lua
Levante sua mão aberta
Faça a banda tocar e faça os vaga-lumes dançarem
A lua prateada está brilhando
Então, me beije

Beije-me sob o crepúsculo
Leve-me pra fora, no chão iluminado pela lua
Levante sua mão aberta
Faça a banda tocar e faça os vaga-lumes dançarem
A lua prateada está brilhando
Então, me beije

Então, me beije

Então, me beije