quarta-feira, 18 de maio de 2016

[Momento crítico] Minhas últimas leituras... porque não dá pra postar só um.


Imagem de meu arquivo pessoal

Eu ia fazer um post para cada livro que eu li, mas como ficaram muitos pendentes, vou fazer um post só pra todos os últimos livros e depois volto com a programação normal de dicas de leitura.
Pode ser?
Só para ficarmos em dia, ok?
Simbora!

Questões do coração - Emily Giffin

Imagem de meu arquivo pessoal

Questões do coração foi um livro que me deixou bastante dividida,.. Conta a história de uma moça que se apaixona pelo médico do filho. Por um bom tempo a gente acaba gostando muito da Tessa, apesar dela desempenhar na história do papel de Amante.
A Emily tá com uma narrativa que lembra demais a Danielle Steel. A Novo Conceito continua uma bosta em suas traduções. Alguns trechos não fazem sentido. O interessante do livro é que ele faz link com outros dois livros da autora, ainda que não se trate de uma trilogia. Os livros são: O presente e O noivo da minha melhor amiga.

Sinopse
Tessa Russo é mãe de duas crianças e esposa de um renomado cirurgião pediatra. Apesar dos avisos de sua mãe, Tessa recentemente abriu mão de sua carreira pra se focar na família e na busca da felicidade doméstica. Ela parece destinada a viver uma boa vida.
Valerie Anderson é advogada e mãe solteira de Charlie que tem apenas 6 anos e nunca conheceu o pai. Depois de muitas decepções, ela desistiu do amor - e até mesmo das amizades - acreditando que é sempre mais seguro não ter muitas expectativas.
Embora as duas mulheres vivam no mesmo subúrbio de Boston, elas tem muito pouco em comum além do amor pelos filhos. Mas numa noite, um trágico acidente faz suas vidas se encontrarem de um jeito inesperado.
Em uma história alternativa e com vários pontos de vista, Emily Giffin nos emociona com um livro luminoso em que boas pessoas são pegas em circunstâncias insustentáveis. Cada um sendo testado de maneiras que nunca pensaram ser possível. E cada um deles descobrindo o que realmente importa.
Tamanho não importa - Meg Cabot


Imagem de meu arquivo pessoal

Esse livro me despertou uma curiosidade enorme para outros livros da série (ainda tem mais 2 além dos que li, até onde sei). Já estava quase desistindo da Heather, mas aí ela ficou fofíssima e tal. Só que... Cara, esperei tanto do casal Heather e Cooper... Desde o primeiro livro esperando algo bacana entre os dois, mas quando aconteceu foi tão sem graça. Enfim...

Sinopse
A ex estrela do pop Heather Wells não tem do que reclamar: seu pai finalmente vai se mudar do apartamento que ela divide com Cooper; ela arrumou um namorado que quer ajudá-la a emagrecer e as coisas no emprego de inspetora de alojamento na Universidade de Nova York vão... Bem, as coisas por lá continuam esquisitas como sempre. O Dr. Owen Broucho, diretor interino do alojamento Fischer Hall e seu terceiro chefe em menos de um ano, acaba de ser assassinado. Mais uma vez, Heather precisará usar seus excepcionais talentos de investigação se quiser livrar Sebastian Blumenthal, líder estudantil e principal suspeito do assassinato, de uma acusação aparentemente falsa.  Tamanho Não Importa é a continuação de Tamanho 44 Também Não é Gorda.
Mamãe Walsh - Marian Keyes


Imagem de meu arquivo pessoal

Pra quem espera muito de um livro da Família Walsh... Esse livro não vale as poucas páginas que tem. Algumas definições do dicionário da Mamãe Walsh são tão previsíveis... O livro é curtinho e, apesar de parecer mais uma resenha dos outros 5 livros da família Walsh e em alguns momentos parecer sem sentido e apesar de faltar alguns termos... Até que é bom.

Sinopse
Cheio de humor, cheio de lágrimas, cheio de emoção e de vida. Depois de histórias que envolviam suas cinco filhas Claire, Margaret, Rachel, Anna e Helen , faltava um livro que trouxesse as palavras da matriarca de uma das famílias mais divertidas da literatura. Em Mamãe Walsh - Pequeno Dicionário da Família Walsh, Marian Keyes apresenta mais um exemplo que explica porque ela se tornou a maior escritora de chick-lit do planeta. A obra traz uma compilação de expressões que fazem o leitor compreender ainda melhor essa inusitada família. Em cada uma delas, a chefe do clã narra acontecimentos que ilustram o tema, como H de Homens de verdade, em que ela conta as aventuras com grandes exemplares do sexo masculino; ou C de Cozinha, com histórias sobre o dom culinário dos Walsh. Mamãe Walsh produzirá no leitor lembranças de cada um dos títulos anteriores de Marian, de Melancia a Chá de sumiço, causando identificação instantânea: quem nunca passou por situações loucas na vida? Um livro que convida todos a se divertirem mais uma vez com esses incríveis personagens. São páginas repletas de humor e sagacidade, como somente Marian Keyes é capaz de escrever.
Um dia - Nicholas David

Imagem de meu arquivo pessoal

Algo curioso do livro é que ele fala que tudo acontece num dia 15 de julho... E eu lembrei do meu último 15 de julho, em câmera lenta como a narrativa do livro... Foi num 15 de julho que perdi minha avó e isso segue como um eco dolorido... Acho que sempre lembrarei de tudo o que aconteceu nesse dia, mas não pelo mesmo motivo dos personagens.

Sinopse
Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro. Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas - vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois. Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.

Santos de calça jeans - Adriano Golçalves


Imagem de meu arquivo pessoal

Apesar da linguagem jovem forçada e das repetições, a mensagem é válida. 

Sinopse
Santidade não está relacionada a realizar fatos homéricos ou viver em eterna penitência. Santidade é viver a Verdade e o Amor de Cristo no nosso dia a dia, tendo a Palavra do Senhor como bússola em nosso caminhar.
Podemos ser Santos na faculdade, na academia, nas reuniões com nossos amigos ou nos sites de relacionamento na Internet.
O tempo presente urge por Santos que saibam curtir a vida e aproveitar as coisas boas que o mundo tem para nos oferecer, mas sem ser mundanos. Nesta obra, Adriano Gonçalves nos mostra que santidade está ao alcance de todos, inclusive dos jovens, que são desafiados a viver esta santidade sem perder a juventude, tornando-se a geração Santos de Calça Jeans.
Doidas e Santas - Martha Medeiros

Imagem retirada do Skoob
Sem palavras... Todo mundo que acompanha o blog dizia que eu ia amar Martha Medeiros, mas como todo mundo diz que eu amaria muita coisa, não acreditei muito. Mas amei mesmo.

Sinopse
Doidas e Santas reúne cem crônicas que falam direto ao coração de suas leitoras e seus leitores. Nelas, Martha expõe os anseios de sua geração e de sua época, tornando-se uma das vozes mais importantes entre as recentemente surgidas no cenário nacional. As alegrias e as desilusões, os dramas e as delícias da vida adulta, as neuroses da vida urbana, o prazer que se esconde no dia-a-dia, o poder transformador do afeto, os mistérios da maternidade, enfim, o cotidiano de cada um de nós tornou-se o principal tema da autora. Como toda grande artista, ela consuma o sortilégio da literatura: traduzir e expressar o que vai na alma de sua enorme legião de admiradores.
O Banquete do Cordeiro - Scott Hann

Imagem de meu arquivo pessoal

Foi o livro que melhor me explicou o significado de cada gesto da missa... Inesquecível!

Sinopse
Antes de se converter ao catolicismo Scott Hahn passou a assistir a Santa Missa e ficou maravilhado com o que viu; a Bíblia estava diante dos seus olhos; e quando ouviu pela primeira vez o sacerdote pronunciar as palavras da Consagração: "Isto é o meu corpo... Este é o cálice do meu sangue", sentiu que todas as suas dúvidas se dissiparam. Sendo conhecedor profundo da Bíblia; em especial do Apocalipse, entendeu que a Missa antecipava a festa de núpcias de Cristo com a Igreja, a Noiva do Cordeiro, que São João descreve no final do livro. Sentiu-se diante do trono do Céu, onde Jesus é saudado para sempre como o Cordeiro de Deus. "Vamos ao Céu quando vamos à Missa... A Missa é o Céu na terra". Dr. Scott Hahn nos ajuda a mergulhar profundamente neste Santo Mistério. - Prof. Felipe Aquino
O duque e eu - Julia Quinn


Imagem de meu arquivo pessoal

Em alguns momentos dá pra ver que é o típico romance de banca... Começo morno e sem graça, mas vai fluindo. O livro me surpreendeu, viu? Pensei que fosse uma porcaria, porque todo mundo que disse que leu falou que era. Louca pra ver a histórias dos outros irmãos de nome difícil.

Sinopse
Simon Basset, o irresistível duque de Hastings, acaba de retornar a Londres depois de seis anos viajando pelo mundo. Rico, bonito e solteiro, ele é um prato cheio para as mães da alta sociedade, que só pensam em arrumar um bom partido para suas filhas. Simon, porém, tem o firme propósito de nunca se casar. Assim, para se livrar das garras dessas mulheres, precisa de um plano infalível. É quando entra em cena Daphne Bridgerton, a irmã mais nova de seu melhor amigo.
Apesar de espirituosa e dona de uma personalidade marcante, todos os homens que se interessam por ela são velhos demais, pouco inteligentes ou destituídos de qualquer tipo de charme. E os que têm potencial para ser bons maridos só a veem como uma boa amiga. A ideia de Simon é fingir que a corteja. Dessa forma, de uma tacada só, ele conseguirá afastar as jovens obcecadas por um marido e atrairá vários pretendentes para Daphne. Afinal, se um duque está interessado nela, a jovem deve ter mais atrativos do que aparenta.
Mas, à medida que a farsa dos dois se desenrola, o sorriso malicioso e os olhos cheios de desejo de Simon tornam cada vez mais difícil para Daphne lembrar que tudo não passa de fingimento. Agora ela precisa fazer o impossível para não se apaixonar por esse conquistador inveterado que tem aversão a tudo o que ela mais quer na vida.
You cat Brasil

Imagem de meu arquivo pessoal


Usei poucas palavras para descrever a experiência maravilhosa que é a leitura deste livro. O livro traz perguntas e respostas sobre  a nossa Igreja e o quanto mudamos ao longo dos anos e o quanto precisamos melhorar sem fugir de nossas tradições. O público alvo são os jovens, mas foi um grande aprendizado pra essa velha aqui, ó.

Sinopse
Chamado também de Youcat (abreviação de Youth Catechism), o Catecismo Jovem da Igreja Católica chega às mãos dos leitores brasileiros. A obra tem a mesma proposta do "Catecismo da Igreja Católica", sendo a linguagem e o projeto gráfico seu maior diferencial. Estruturado em perguntas e respostas, o livro é dividido em quatro partes ("Em que Cremos", "Como Celebramos?", "A Vida em Cristo" e "Como Devemos Orar") e foi desenvolvido por um número considerável de padres, teólogos e professores de religião para apresentar a mensagem e a doutrina da Igreja em linguagem jovem e acessível. O Youcat vem atender a vontade dos muitos jovens que, inspirados e entusiasmados pela dinâmica das Jornadas Mundiais da Juventude, pediram um Catecismo que lhes falasse diretamente.
Harry Potter e a ordem da fênix - J.K. Rowling


Imagem de meu arquivo pessoal

Impossível descrever o que é cada experiência de leitura de um Harry Potter. Cada vez que pego um livro pra ler, por mais que seja releitura, sempre parece ser um livro novo. Harry Potter tem histórias na entrelinha, detalhizinhos que a gente deixa passar aqui e ali, mas que, quando percebido, faz uma diferença enorme na leitura... abre-se nova estante.

Sinopse
O Ministério da Magia começa a intervir em Hogwarts, não acreditando no retorno de Voldemort propalado por Harry Potter e Alvo Dumbledore. Indicada pelo Ministério como professora de Defesa Contra as Arte das Trevas, Dolores Umbrigde proíbe a matéria para alunos mais novos, o que leva Harry a fundar a Armada Dumbledore, para ensinar seus colegas a se defenderem do lorde e seus Comensais da Morte.
Na batalha Bem versus Mal, Harry vai enfrentar as investidas de Voldemort sem a proteção de Dumbledore, já que o diretor de Hogwarts é afastado da escola. E vai ser sem seu protetor que o jovem herói enfrentará descobertas sobre a personalidade controversa de seu pai, Tiago Potter, e a perda de alguém muito próximo.
Como eu era antes de você - Jojo Moyes

Imagem de meu arquivo pessoal

Eu via esse livro na livraria, mas nunca dei valor. De repente todo mundo começou a ler, vi o trailer e fiquei louca... até conseguir baixar ele no Le.Livros.
Livro incrível!
Já me falaram que o segundo livro é uma porcaria, então... dá até medo.
Demorei a gostar da Louisa, não quero ver o segundo livro estragar nossa amizade.

Sinopse

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Sua vidinha ainda inclui o trabalho como garçonete num café de sua pequena cidade - um emprego que não paga muito, mas ajuda com as despesas - e o namoro com Patrick, um triatleta que não parece muito interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor tem 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto, o antes ativo e esportivo Will agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Sua vida parece sem sentido e dolorosa demais para ser levada adiante. Obstinado, ele planeja com cuidado uma forma de acabar com esse sofrimento. Só não esperava que Lou aparecesse e se empenhasse tanto para convencê-lo do contrário.
Harry Potter e o Enigma do príncipe


Imagem de meu arquivo pessoal

Reli o livro depois de 6 anos e foi, na verdade, o primeiro livro de Harry Potter que li. Quando postei, muita gente falou que era o melhor livro de Harry Potter. Honestamente, não lembro muito dele, pois como já peguei o barco andando, muitos detalhes se perderam. Tipo isso do Ministro da Magia conversando com o Ministro dos trouxas. Foi babado

Sinopse
Dumbledore passa a dar aulas particulares a Harry Potter e lhe mostra na penseira - bacia de pedra para estocar lembranças - fatos que confirmam a busca de Voldemort pela imortalidade através das Horcruxes, objetos criados para guardar parte da alma.
Com Hogwarts invadida pelos Comensais, Potter presencia o assassinato de Dumbledore pelo ambíguo professor Severo Snape, o 'Príncipe Mestiço', cumprindo seu Voto Perpétuo para não morrer. Junto de Rony e Hermione, Harry parte para encontrar e destruir todas as Horcruxes do Lorde das Trevas, tornando-o mortal.
Fala Sério, Professor! - Thalita Rebouças


Imagem de meu arquivo pessoal


As histórias são fofinhas, mas algumas desnecessárias. E a autora tem uma "linguagem jovem" muito caricata, acho que nesse ponto a Paula Pimenta é melhor, soa mais natural. Enfim.

Sinopse

Em "Fala Sério, Professor!" vamos descobrir a relação de Malu com os seus professores mais marcantes. Os do colégio, o da academia, o do curso de inglês, a da Shiatsu, os de teatro, os particulares, os gatos, os durões, os amigos, o meio doido, o que não ria, o que não perdoava cola... no baú da memória, Malu encontrou muitas histórias boas. Aqui está sua trajetória como aluna, narrada em crônicas pra lá de bem-humoradas que acompanham sua vida dos 3 aos 22 anos.
O vencedor está só
Imagem de meu arquivo pessoal

Sempre demoro a me acostumar com a linha de raciocínio do Paulo Coelho. Todo começo de livro é confuso pra mim. Eu não sou muito fã de livros assim (cheio de assassinatos), mas achei interessante uma história mostrando o lado menos glam da fama. A leitura às vezes era tediosa, mas valeu a pena chegar ao fim.

Sinopse
O Vencedor está só é uma fotografia do mundo em que vivemos, afirma Paulo Coelho. A ação, em ritmo acelerado, se passa em 24 horas, durante o Festival de Cinema de Cannes. Produtores, atores consagrados, candidatas a atriz, top models, estilistas e um serial killer, que comete cinco assassinatos, fazem parte da trama.
Com foco nos bastidores da festa em Cannes, o livro apresenta um retrato da superclasse, a elite que define os rumos de nossos dias, mostrando ao leitor detalhes de como vivem e se comportam personagens baseados na vida real. Paulo Coelho faz de seu 12º romance um testemunho da crise de valores de um universo centrado nas aparências.
Tudo por um feriado
Imagem de meu arquivo pessoal

Apesar de estar menos chata do que no primeiro livro que li da autora (Fala sério, professor!), não me identifiquei com nenhuma das quatro mocinhas da história. Ao contrário da Paula Pimenta que faz mocinhas mais bem resolvidas e menos fúteis, a Thalita exagera no tom de patricinha e filhinha de papai de suas personagens. Parece mocinhas sem leitura que dedicam sempre suas vidas a correr atrás de machinho, como se apenas isso importasse. Não tem uma que dê pra falar "Cara, gostei dessa... parece comigo e tal"... São personagens sempre alienígenas, num sei.

Sinopse
Elas fazem tudo por uma boa aventura. As inseparáveis Manu, Gabi e Ritinha, protagonistas do primeiro livro de Thalita Rebouças, Tudo por um pop star, estão de volta no lançamento Tudo por um feriado. Dessa vez, o trio parte rumo à mineira Porto das Rosas, para aproveitar o feriado de Carnaval descansando e celebrando a amizade no sítio da avó de Suzaninha, nova amiga feita em Tudo por um namorado. Mas o que era para ser um feriado tranqüilo quase virou um desastre.
___________________________
Todas as imagens são minhas do Instagram.... Ah, não... Tem aquelas que são do Skoob de onde também tirei todas as sinopses.
Gostou desta postagem? Então clique no botão ao lado para curtr e Twittar!! Aproveite para nos adicionar no Facebook, seguir no Twitter.

Quem escreveu:
Soraya Carvalho Meu nome é Soraya, mas pode me chamar de Sol que eu gosto... Acho até que quando as pessoas me chamam de Soraya é um sinal claro de que estão zangadas comigo, sei lá. Só pessoas afastadas me chamam pelo nome... e chefes... e meus pais.. Tenho 30 anos (não parece, né?), muito apaixonada por tudo o que faço (BIBLIOTECONOMIA! BIBLIOTECONOMIA!)... Amante de livros e sentimentos sinceros.

Comente com o Facebook e com sua conta Google: