Páginas

Retalhos do facebook - Como funcionam as amizades**

Fonte de imagem: Meu Spaço
Então eu me perguntava: onde eu errei? Porque todos se afastam de mim agora que tanto preciso?
Aí percebi... Que além de ferida, além de me machucar mais, eu machucava aqueles que estavam por perto.
Parei de fazer drama, enxuguei minhas lágrimas e chamei todos de volta... todos voltaram.
O que eu não sacava é que eu sou desse time de idiotas que escolhem ficar e se ferir pra  tentar ajudar um amigo... Só que não somos obrigados a isso e nem devemos obrigar as pessoas a fazerem isso!
Várias vezes, esses últimos dias, joguei na cara das pessoas que eu amava as várias vezes que eu estive do lado delas e chamei atenção pro fato de que elas não tavam do meu lado quando eu precisava, agora.
Mas, poxa, qual o meu problema?
De um dia para o outro resolvi condicionar meu amor? De uma hora pra outra resolvi que toda ajuda que dei tinha um preço, estabelecido em letras minúsculas no contrato que ninguém assinou quando aceitou minha ajuda... E eu resolvi cobrar!
Caí na real no carnaval... No meu desespero...
Caí na real em conversa com meus próprios amigos, com meu namorado...
É intimidante e chato que eu fale deles tão mal e de forma tão aberta... Machuca ver minha dor e ,machuca de igual forma, ou de maneira pior, as palavras que eu grito quando a sinto, a maneira que eu cobro o carinho que eles sentem sim, mas não se sentem mais a vontade para demonstrar porque eu mudei...
As amizades funcionam como namoro... A gente conquista as pessoas por nossa alegria, boa vontade, bom papo... E, aos poucos, deixamos que a máscara caia, ou mudamos sem perceber! Conquistamos os outros por nossa independência, aí nos tornamos dependentes... Cativamos com nosso sorriso, mas por alguma razão perdemos a vontade de sorrir... E com nossas pequenas perdas, perdemos amigos e namorados...
Os sentimentos funcionam pra eles assim como funcionam para nós... A gente não quer conviver com gente chata! A gente não quer falar com gente chorona, reclamona... Então porque nos tornamos assim e exigimos dos outros que nos amem na chatice, na pobreza, na doença e em meio a reclamações e revoltas?
Enfim, pensa nisso!
Pensa no tipo de amigo que você está sendo antes de julgar os amigos que tem!
Não caia no meu erro... Não seja uma chata cega que pinta seu auto-retrato como um anjo...
Seja pra teu amigo mais bondade, compreensão e amor!
O contrário disso só afasta eles e não te dá o direito de reclamar isso!
_____________________________
* Leia a Oração do Amigo de Gabriel Chalita aqui no blog!
** Originalmente publicado em 15 fev. 2013
Gostou desta postagem? Então clique no botão ao lado para curtr e Twittar!! Aproveite para nos adicionar no Facebook, seguir no Twitter.

Sobre a louca que escreveu:
Soraya Carvalho Meu nome é Soraya, mas me chamam de Sol! Tenho 31 anos, estou tentando me reapaixonar por tudo o que escolho... Sou formada em Biblioteconomia, recém-convertida católica (ainda que batizada desde 1995), estou aprendendo a lidar com a ansiedade e tenho pensado em tentar falar sobre a luta e o aprendizado diário... Viver requer paciência, e eu não tenho.