sábado, 5 de julho de 2014

[Catoliquices] Minha Crisma

 Rubrica: religião. s
acramento em que se ratifica a graça do batismo; sacramento da confirmação. (DICIONÁRIO HOUAISS)
Ai, gente... Não sei nem como explicar o que eu estou sentido agora...
Há uma paz tão grande em meu coração e uma necessidade urgente de mudança...
Eu pensei que fosse um sacramento sem importância, confesso... Ainda que muitos falassem que a Crisma é um momento mágico da vida Cristã, eu nunca pensei que fosse de verdade... Eu encarei ela como uma simples formalidade até a hora em que fui ungida pelo bispo e desci do altar me sentindo nova criatura... É estranho e é bom!
Ontem fiz minha segunda comunhão (sim, gente... após 2 meses e depois de muitas missas, só ontem tive coragem de comungar de novo)... E pareceu-me, na verdade, a primeira... Será que sempre vou sentir isso?
Quando me ajoelhei em oração, tinha em mente muitos pedidos, mas minha oração veio quase gritada lá de dentro: "Senhor, permita-me a mudança... Me ajude a mudar, me ajude a mudar, me ajude a mudar...".
Fazia muito tempo que não me sentia assim... Viva.
Fazia muito tempo que minhas orações eram apenas palavras repetidas e vazias, pedidos soltos e muitas vezes sem importância... É incrível o poder de um sacramento, é incrível todo o sentimento que explode em nosso íntimo e o nosso desejo de espalhar isso.
Até brinquei com o Cloves na saída passando um pouco do óleo com que ungiram minha testa na testa dele.
Eu queria poder sentir isso todos os dias! Eu queria que todos sentissem isso!
Pai de Amor...Eu te agradeço por me permitir, mais uma vez, estar em tua presença. Eu te agradeço por esse calor com que me envolves na oração. Eu te agradeço a benção de mais um sacramento. Eu te agradeço pela força da fé que tenho hoje... Eu te agradeço e só agradeço.Amém.
Gostou desta postagem? Então clique no botão ao lado para curtr e Twittar!! Aproveite para nos adicionar no Facebook, seguir no Twitter.

Quem escreveu:
Soraya Carvalho Meu nome é Soraya, mas pode me chamar de Sol que eu gosto... Acho até que quando as pessoas me chamam de Soraya é um sinal claro de que estão zangadas comigo, sei lá. Só pessoas afastadas me chamam pelo nome... e chefes... e meus pais.. Tenho 30 anos (não parece, né?), muito apaixonada por tudo o que faço (BIBLIOTECONOMIA! BIBLIOTECONOMIA!)... Amante de livros e sentimentos sinceros.

Comente com o Facebook e com sua conta Google: